MENSAGEM:GRAÇA ABRANGENTE
Rev. Juliano Jesus Veloso

wallpaper-cristao-hd-cruz-graca-verdade-vieram-intermedio-Jesus-Cristo_1920x1200.jpg

“Porquanto a graça de Deus se manifestou salvadora a todos os homens” (Tito 2.11)

   Todo ser humano herdou a culpa e a corrupção moral de seus primeiros pais, Adão e Eva. Logo, todo homem, sem exceção, é pecador e não merece nada do SENHOR, além da condenação eterna por conta da transgressão da Lei de Deus.   

   Todavia, a graça de Deus, que é o seu favor imerecido, é uma realidade. Essa graça maravilhosa, que tem origem em Deus, emana sobre pessoas.

   O versículo em destaque diz que “...a graça de Deus se manifestou...”. Ela apareceu! Assim como o sol se manifesta pela manhã trazendo luz e afastando a escuridão, a graça de Deus se manifestou a pessoas que estavam em trevas espirituais. O profeta Malaquias já havia profetizado sobre isso no Antigo Testamento dizendo “Mas para vós outros que temeis o meu nome nascerá o sol da justiça, trazendo salvação nas suas asas” (Malaquias 4.2).

   Essa promessa extraordinária se cumpriu de maneira plena com a vinda do Messias, o Senhor Jesus Cristo. Referindo-se a Jesus Zacarias destacou “graças à entranhável misericórdia de nosso Deus, pela qual nos visitará o sol nascente das alturas, para alumiar os que jazem nas trevas e na sombra da morte, e dirigir os nossos pés pelo caminho da paz” (Lucas 1.78-79). Na mesma linha, Paulo esclarece que Deus nos libertou das trevas através de Jesus Cristo dizendo “Ele nos libertou do império das trevas e nos transportou para o reino do Filho do seu amor, no qual temos a redenção, a remissão dos pecados.” (Colossenses 1.13-14).

   A graça de Deus fez sua aparição trazendo salvação mediante Jesus Cristo.

   A expressão “Todos os homens” do versículo em destaque, não se refere a todas as pessoas, e, sim a todo tipo de pessoa. Comentando esse versículo João Calvino diz “Ele não está se referindo a pessoas individualmente, mas, antes, a todas as classes de pessoas com suas diversas formas de vida”. Da mesma maneira Hendriksen destaca: "todos são culpados diante de Deus, e dentre todos Deus congregou seu povo. Anciãos, anciãs, homens e mulheres mais jovens, e até mesmo escravos, devem viver vidas consagradas, porque a graça de Deus manifestou salvação a todos esses vários grupos ou classes.”

   Louvemos a Deus por sua abrangente graça.